200 anos de Orgulho e Preconceito

O livro Orgulho e Preconceito da grande autora Jane Austen completa hoje 200 anos de sua publicação. O livro foi publicado em 28 de janeiro de 1813. Apesar de tantos anos o livro da Jane ainda tem uma forte ligação com os leitores.

Na Inglaterra do final do século XVIII, as possibilidades de ascensão social eram limitadas para uma mulher sem dote. Elizabeth Bennet, de vinte anos, uma das cinco filhas de um espirituoso, mas imprudente senhor, no entanto, é um novo tipo de heroína, que não precisará de estereótipos femininos para conquistar o nobre Fitzwilliam Darcy e defender suas posições com perfeita lucidez de uma filósofa liberal da província. Lizzy é uma espécie de Cinderela esclarecida, iluminista, protofeminista. Neste livro, Jane Austen faz também uma crítica à futilidade das mulheres na voz dessa admirável heroína — recompensada, ao final, com uma felicidade que não lhe parecia possível na classe em que nasceu.

 Conheça algumas edições do livro:
    
       
       


A maioria dos leitores do blog sabem que eu sou apaixonada por esse livro e que ele me encanta por várias razões. Orgulho e Preconceito mostra o poder do verdadeiro amor, da beleza do encantamento daquela época, de que cortejar era mais importante do que o beijo. Também nos mostra o amor da família , dos amigos.

Alguns quotes dos livros:
''Eu poderia facilmente perdoar o orgulho dele, se não tivesse ofendido o meu.'' 
''E o seu defeito é uma propensão a odiar as pessoas.'' 

         Um pouco mais sobre Mr. Darcy e Elizabeth Bennet:
Mr.Darcy: Encantador, lindo, deslumbrante. Ele tem um personalidade forte, e quem não o conhece acha o ignorante, indiferente. Ele é um pouco orgulhoso, mas é também doce, cavalheiro, protetor. Um verdadeiro gentleman.  
Elizabeth Bennet: Forte, corajosa e teimosa. Ela não aceita as ordens que a sociedade impõe e não pensa duas vezes antes de falar o que pensa. Mas ao mesmo tempo é sensível , protetora e ama muito sua família.

Orgulho e Preconceito tem inúmeras adaptações cinematográficas. As mais conhecidas são a série da BBC e o filme de 2005, estrelado por Keira Knightley e Matthew Macfadyen .

Cinema:
-1940 - Estrelado por Greer Garson e Laurence Olivier.
- 2005 - Estrelado por Keira Knightley e Matthew Macfadyen 
Série:
-1980 - Elizabeth Garvie e David Rintoul.
-1995- Estrelado por Jennifer Ehle e Colin Firth.
Parabéns Orgulho e Preconceito! E vocês o que acham desse clássico da literatura inglesa?

5 comentários:

  1. Que homenagem linda!
    Não tem como não se encantar com essa história, né?
    O blog tá lindo, flor!
    Beijão!

    ResponderExcluir
  2. Amo Orgulho e Preconceito, tanto livro quanto filme! Mr. Darcy então... perfeito!! Bela homenagem amiga! Beijo!

    ResponderExcluir
  3. Ah, que homenagem mais linda, Jessy! Eu ainda não tive a oportunidade de conhecer esta história, mas sou muito curiosa. Quanto tempo este livro tem de publicado! :0
    Beijo!
    docesabordoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Eu nunca li, acho que sou a única. Preciso dar um jeito nisso. Linda homenagem amiga.
    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  5. Ah! Orgulho e Preconceito é um dos meus livros de "mulherzinha" favorito. hahaha gosto muito de Emma, Jane Austen também. Mas sou para lá de fã da Eliza, logo acabo sendo tendenciosa. ótima homenagem ao livro. *-*

    ResponderExcluir

Obrigada pelo seu comentário. Volte Sempre!