05 fevereiro 2015

Resenha: ​Maximum Ride​ - Projeto Angel - James Patterson

Maximum Ride tem 14 anos. Ela e os seus amigos seriam crianças normais se não tivessem o dom de voar. Para algumas pessoas esse poder seria um sonho, mas, no caso da turma de Max, a vida se transformou em um pesadelo sem fim desde que a perseguição dos Apagadores começou. Seja em cima das árvores do Central Park, em uma jornada escaldante no deserto da Califórnia ou nas entranhas do metrô de Nova York, Max e sua nova família lutam para compreender por que eles são diferentes de todos os outros seres humanos. A maior dúvida é: eles vão salvar a humanidade ou ajudar a destruí-la? Impossível ficar indiferente a Max! Sarcástica, corajosa e meio impaciente, ela é a líder mais poderosa e forte que você já conheceu. Ao mesmo tempo em que luta para se proteger e salvar a vida dos seus amigos, Max tenta entender por que tudo tem que ser tão difícil e diferente para eles. Se você gosta de ação rápida, dinâmica, daquelas de tirar o fôlego, com vilões que você ama odiar... Este é o seu livro! Uma aventura fantástica e imprevisível, que emociona e desperta a imaginação.
Autor: James Patterson
Editora: Novo Conceito (Selo #Irado)
Páginas: 384
Nota: 3/5

"Maximum Ride - Projeto Angel" conta a história de seis crianças modificadas geneticamente e criadas em laboratório que estão em fuga, daí o nome da série "Fugitivos"​. Eles compõe uma família "cute" formada apenas de crianças entre seis e quatorze anos que não possuem nenhum laços sanguíneo, exceto dois deles, mas que estão sempre juntos e amam-se e protegem-se de tal forma que esse pequeno detalhe não importa. Essas seis crianças, quando mais novas no laboratório chamado de Escola, tiveram seu DNA misturado ao de aves de rapina por cientistas que elas chamam de jalecos-brancos, por esse motivo possuem asas e podem voar. Além disso alguns deles possuem outros poderes que os tornam ainda mais especiais.


Max é uma adolescente de 14 anos ​é​ líder do bando. Fang é o protetor de Max e t​ambém tem 14 anos. Nudge é a faladora do grupo e também a mais​ amorosa​. Gasman, carinhosamente chamado de Gazzy, tem problemas com gases​. ​Iggy não tem visão, em contrapartida a sua audição é super apurada. Angel é a mais nova do grupo​, com apenas seis anos de idade, possui o dom de ler mentes.

As seis crianças conseguiram fugir da Escola com a ajuda de Jab, que era um dos jalecos-brancos, mas que se arrependeu e fugiu com as crianças. Jab agiu como pai deles por alguns anos até que desapareceu de repente deixando-os sozinhos, por esse motivo, Max acabou assumindo a responsabilidade dos demais.

O livro já começa em ritmo acelerado​, em poucas páginas já lemos uma perseguição das crianças pelos apagadores, que também são crianças modificadas geneticamente só que diferente de nossos adoráveis protagonistas tiveram seu DNA misturado com de lobos que permitiram um crescimento prematuro, transformando-os em feras e guardas de segurança da Escola. No meio dessa perseguição, a pequena Angel é sequestrada pelos apagadores e levada de volta para a Escola, o que faz o bando partir em uma missão de resgate.

Durante essa missão vários imprevistos acontecem e as crianças também descobrem coisas sobre seus passados e mais sobre eles mesmos. O livro todo é narrado pela Max que conta o que está acontecendo em tempo real e algumas vezes coisas que aconteceram falando diretamente com o leitor como que contando e justificando as suas atitudes. Isso é bem legal, porque às vezes parece que ela está falando frente a frente com o leitor. A Max é forte, corajosa e nobre. Se preocupa com todos e não só os que fazem parte do bando. Ela é a responsável por todos e age como mãe coruja, principalmente da Angel.

A Angel se mostra no começo uma criança bem adorável, um verdadeiro anjo, mas com o passar da leitura comecei a achar muito mimada, voluntariosa​ e até mesmo perigosa. Confesso que esperava muito mais dessa leitura. Apesar de sua estrutura ter tudo para ser uma leitura de tirar o fôlego daquelas que não conseguimos desgrudar do livro até terminar, para mim foi um pouco cansativa e repetitiva. Basicamente o livro (para mim) se resumiu em: fuga, pausa para comer, combate, fuga... e tudo de novo. Li outras resenhas e todas exaltaram o livro como muito bom, mas gosto é realmente muito particular de cada um. A série, pelo menos com esse primeiro livro não me conquistou, mas deixa uma brecha de curiosidade para o próximo volume que eu pretendo ler. Não desisti ainda.

Quotes:
"A própria vida é um teste. Tudo é um teste. As vezes você só precisa passar por ele, e depois tudo faz mais sentido"
"Talvez você quisesse poder salvar o mundo, a Voz disse. Você pensa nisso?
Não, franzi o cenho. Deixe isso pros adultos.
Mas quem está destruindo o mundo são os adultos, a Voz falou. Pense nisso."
''É importante estar certo ou é importante fazer o que é certo? É uma das lições mais difíceis de aprender."
"O conhecimento é um fardo terrível"





 

18 comentários:

  1. cara a ideia do livro em si é bem legal, mas n me empolga muito pra ler. sem contar q foi escrito por um autor q eu n sou muito fã.
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  2. Oi, Brenda. Tudo bem?
    Eu acho a capa desse livro linda, e acredito que como outros livros do selo Irado ele vem com capa dura né? Muito amor da editora fazer isso. <3
    É uma pena que a leitura não te agradou tanto assim, mas acho que estou acostumada a ler comentários semelhantes sobre os livros do James. Eu li apenas um e tenho outros dois na estante, mas sempre fico com um pé atrás.
    Beijos.
    Blog Cantar Em Verso

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sil, tudo bem?

      Esta edição não é capa dura. Quase todos livros do selo Irado são, mas Maximum Ride não. Uma pena, né? Beijos!

      Excluir
  3. Oi.
    Realmente leitura também é questão de gosto.
    Eu li esse livro e achei muito fofo, não achei um enredo cansativo, o autor conseguiu despertar minha curiosidade e prender minha atenção, o que me incomodou um pouco foi a questão da protagonista querer sempre a perfeita.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  4. Olá

    Li uma resenha recentemente deste livro e ele me deixou curioso, mas agora fiquei um pouco mais receoso por dizer que o enredo é um pouco cansativo e ele se resume fácil em uma estrutura já batida. Enfim, só lendo pra descobrir.

    Abraço!
    www.umomt.com

    ResponderExcluir
  5. Pois é, Brenda. Fiquei surpresa com sua avaliação porque a minha amiga que resenhou lá no blog gostou do livro, apesar de fazer algumas ressalvas. Acho que talvez vc tenha estranhado um pouco porque é juvenil, não dá pra ser tão maduro. Sei lá. Mas tomara que vc gostei do próximo. ;)
    Beijinhos!
    Giulia - www.prazermechamolivro.com

    ResponderExcluir
  6. Oi Brenda... li uma resenha super positiva desse livro e não tinha tantos detalhes como na sua... o que havia me deixado bem curiosa em saber porque eles tinham asas e descobri aqui... achei a premissa interessante porque pelo que percebi tem muita ação no livro... e eu achei a estrutura da ambientação legal. Mas você disse que é questão de gosto mesmo... não sei se vou ler, mas fiquei curiosa... mesmo com todas as suas ressalvas... Xero!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Pena que mesmo que o livro tenha potencial para ser de tirar o fôlego, a leitura se tornou cansativa e repetitiva pra você. Pelo menos você ainda quer continuar lendo a série! Pretendo ler, mas vou esperar a chegada do próximo volume pra fazer isso.

    Beijo.

    Ju - Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  8. Poxa Brenda, que chato o livro não ter sido bom para você!
    Só escuto altos elogios a ele. Mas que bom que você não desistiu da série, vai que o próximo livro é melhor =D
    Eu estou bem curiosa com o livro, espero que nao me decepcione como você.

    Beijiinhos ;*
    Andressa - Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
  9. Oi, Brenda!
    Poxa que pena que a leitura não funcionou tão bem pra você.
    Eu li esse livro e realmente amei a historia, to ansiosa pelo próximo.
    Como a historia é trata e é contada por crianças/adolescentes não tem como ser muito madura, afinal é um livro juvenil. Eu me diverti muito e me emocionei com a historia, espero que o próximo funcione melhor pra você.

    Beijinhos
    Jaque - Meus Livros, Meu Mundo.

    ResponderExcluir
  10. Oi Brenda, tudo bem? Realmente gosto é bem pessoal... li uma outra resenha do livro e a menina adorou e tive muita vontade de ler, mas é bom ler algumas opiniões diferentes Bom, pelo fato de ser um livro juvenil acho que ele cumpre bem a proposta, não tem como ser muito denso, e acho que as atitudes das personagens condizem com a idade delas... apesar de eles serem bem maduros para a idade. Bom, quero muito ler e poder tirar minhas próprias conclusões.

    Beijinhos,

    Rafaella Lima // Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
  11. Oi Brenda é interessante que tem muita gente que ama o JP e tem muita gente também que não gosta, eu quero ler algum livro dele para conhecer a escrita, mas desde que não seja série. Outro dia conversando com um pessoal do Face fiquei sabendo que têm várias séries que não tiveram a continuidade ainda nem nos Estados Unidos e como odeio ficar esperando livros serem lançados, com certeza não lerei Projeto Angel apesar de parecer ter um enredo interessante.

    Bjs
    Tânia Bueno
    www.facesdaleiturataniabueno.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Oi, Brenda
    Concordo com você. Dificilmente um livro irá agradar a todos e é uma pena que esta obra não tenha lhe convencido.
    Eu confesso que num primeiro momento não daria nada pela obra. No entanto, eu adorei esse plot de crianças modificadas geneticamente, podendo ser adoráveis ou violentas! No entanto, eu não consegui ficar tão interessado após saber do que se tratava!
    Se tiver oportunidade, eu farei a leitura, mas não me sinto tão empolgado quanto a isso!

    Abraços
    Adriano
    GeraçãoLeitura.com || http://geracaoleiturapontocom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá, Brenda! Tudo bom?

    Assim como várias outras pessoas, acho a capa desse livro fantástica. Entretanto, tenho certo receio com livros do James Patterson. Li os dois primeiros volumes da série Bruxos e Bruxas e desisti de continuar, já que em dois livros ele não me deu nada de novo. Sua nota não foi muito atrativa e minha vontade de ler algo muito ficcional, que fale sobre mistura de DNA e afins está em baixa... então fica pra próxima!

    Até mais,
    Sérgio H.

    www.decaranasletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Oooi, tudo bem?
    Olha, a ideia do livro é até legal, mas eu não curto muito essa coisa de fantasia. Do James só curto os livros policiais.
    Não leria.
    A resenha está ótima, eu que não sou fã do gênero.

    Beijooos!
    Vivendo em Livros

    ResponderExcluir
  15. Oi Brenda, tão chato quando o livro não supre nossas expectativas né! Mas que bom que você não desistiu da série. Eu não conhecia o livro ainda, mas a história parece interessante.

    Bjs, Glaucia
    www.maisquelivros.com

    ResponderExcluir
  16. Olá Brenda, achei a historia deste livro bem legal, mas depois de você comentar que acho muito repetitiva e cansativa não sei se leria =/ Vou esperar a resenha do próximo volume e vê se vale a pena engatar essa seri =)

    Visite "Meu Mundo, Meu Estilo"

    ResponderExcluir
  17. Oi Brenda, tudo bem?
    Nossa, eu fui lendo o seu texto e fiquei tão tensa, realmente é muita ação desde o princípio. E ainda nos deparamos com experiências de laboratório, que achei surreal. Porque eles fizeram isso? Estou super empolgada para ler esse livro. Pena que você não gostou tanto.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada pelo seu comentário. Volte Sempre!



ilustração por Lanillu | desenvolvido por Sete Coisas | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - COPYRIGHT © 2014