Resenha Nacional: Primeiras Impressões - LRDO

Oi, pessoal! Hoje traremos a resenha de Primeiras Impressões, da autora LRDO, livro que foi inspirado no clássico Orgulho e Preconceito. Vamos saber o que achei da obra?



Primeiras Impressões é uma adaptação moderna do clássico Orgulho e Preconceito de Jane Austen. O romance eterno de Lizzie e do Sr. Darcy é situado desta vez entre paisagens paradisíacas do Brasil e cenários surpreendentes dos Estados Unidos, em um relacionamento complexo entre uma carioca sarcástica e brilhante e um político americano de uma família conservadora. Skoob / Leia um Trecho / Comprar / Site da Autora



Autora: LRDO
Editora: Kiron
Páginas: 304
Nota: 5/5

Quando se trata de Jane Austen eu sou bem crítica, não é qualquer livro inspirado nela ou em suas obras que me agradam, porém tive ótimas leituras com os livros ''As Memórias Perdidas de Jane Austen'', ''Austenlândia'', ''O Diário Secreto de Lizzie Bennet'' e recentemente Primeiras Impressões entrou para essa lista. Inspirado em Orgulho e Preconceito, o livro retrata a história de amor de Lizzie e Darcy na era moderna.

Nesta adaptação moderna do clássico de Austen, Lizzie Benevides é uma brasileira que reside em Boston para cursar a faculdade. Janaína e Antonio Benevides possuem quatro filhas, que são Jane, Lizzie, Maria e Lídia, e ambos são proprietários de pousadas em Búzios e nas férias a protagonista e Jane, sua irmã mais velha, vão passar as férias com a família. Assim como a protagonista, Jane e Charlotte (melhor amiga de Lizzie) moram nos Estados Unidos.

Quando os jovens Frederick Darcy e os irmãos Charles e Caroline Bing chegam em Búzios, a família Benevides fica em êxtase. OK. Não a família toda, mas a matriarca e Lídia sim. Charles logo fica encantado com o charme de Jane e um romance de verão irá surgir, fazendo com que Darcy e Liz fiquem bastante próximos. Mas no começo esta relação é de gato e rato, eles são de mundos diferentes e Darcy demonstra uma personalidade aristocrata e rude, mostrando claramente seu preconceito com o país brasileiro.

''Frederick Darcy, por outro lado, era exatamente o que parecera ser quando chegou à festa de Ano Novo dos Benevides. Antipático, sério e mal-humorado.''

Frederick Darcy é um típico político americano de família conservadora e futuramente pretende candidata-se a governador. É rico, lindo e conservador. Mas se você conhece a história de Lizzie e Darcy sabe o que vai acontecer. Nem preciso dizer ou dar pistas, mas essa história de amor clássica e apaixonante foi retratada muito bem. A essência de todos personagens da história original esteve presente em Primeiras Impressões e a autora colocou nossas cenas favoritas de Orgulho e Preconceito, mas de uma forma moderna.

Algumas modificações foram feitas e tivemos cenários paradisíacos no Brasil e surpreendentes nos Estados Unidos. A escrita de LRDO é muito gostosa de ler, as cenas são bem descritas e eu aprovei essa questão de autora abordar os dois países, com cenas engraçadas e divertidas. Jane Austen é minha autora favorita, mas se vocês pesquisarem aqui no blog podem verificar que nunca escrevi resenhas dos livros dela, pelo simples fato que não consigo expressar tamanho amor por essa mulher. Por isso, quando encontro obras tão maravilhosas inspirada nela ou em seus livros fico extremamente orgulhosa, principalmente por saber que LRDO é fã de Austen.


Mesmo tendo adorado o livro preciso mencionar o ponto negativo, onde encontrei alguns erros de revisão, mas o livro já tem sua segunda edição e a autora me informou que os erros foram corrigidos. Eu já tenho essa nova edição, mas ainda não reli para conferir. A capa é bonita, a letra está num tamanho agradável para leitura e as páginas do livro são brancas. Em suma, recomendo a leitura do livro, principalmente para os fãs da nossa querida Jane Austen.

Quotes:
''Amar é arriscar-se. Entregar-se ao outro é como jogar na loteria. Há grandes chances de perder e ficar com o coração partido.''
"Um amor não correspondido deve ser uma tragédias humanas mais cruéis. É melhor ser odiado, do que ser desprezado. Pelo menos, ódio é um sentimento, e pode, lentamente, transformar-se em outro sentimento, como o amor."
"Podemos passar a vida inteira ao lado de uma pessoa sem conhecê-la de verdade."




14 comentários:

  1. Oi! Eu nunca li Orgulho e Preconceito e me odeio muito por isso :( fico vendo essas obras inspiradas no original querendo ler todas mas me seguro pois quero ler a original primeiro - claro. Eu acho que até hoje nunca tinha visto um nacional e realmente fiquei bem curiosa. Parece ser super legal e ter uns cenários brasileiro deve dar um charme a mais. Como voce disse que é bem critica em relação a obras que voce gosta realmente me empolguei por voce ter gostado.
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Ola Jess lindona, menina só o fato de ser inspirado na musa Jane já me deixou bem intrigada com o livro, gostei da premissa dele, e o fato de ter cenas com humor também já me ganhou. Espero que os erros tenham sido corrigidos. Dica mais que anotada para ler. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  3. Olá!!

    Eu nunca li nada da Jane gente, acho que sou a unica :O
    Mas eu sempre vejo elogios para as releituras de suas obras o que eu gosto bastante é saber que eles conseguem agradar os fãs da autora.
    Isso deve ser muito dificil né?
    O enredo me chama bastante atenção, mas não curti essa capa :(
    Vou aguardar a segunda edição :)


    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  4. Oi, tudo bem?
    Nunca tive a oportunidade de ler Orgulho e Preconceito, mas lerei quando puder.
    Também achei linda a capa do livro, só não gostei de saber que as folhas são brancas. Assim que conseguir ler o livro original darei uma conferida nesse.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  5. Oi Jessica!
    Eu também sou fã de Jane Austen e adoro saber que a sua obra continua viva e ativa através dessas releituras. O enredo me parece ser bem legal e divertido, adoro encontrar as referências ao original em adaptações da Jane. Só acho que a capa poderia ser diferente, para deixar mais explícita a relação com "Orgulho e Preconceito". Mas com certeza leria esse livro!

    Beijos,
    Fernanda
    www.oprazerdaliteratura.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oiee
    Estou com o livro em mãos, mas acabei passando para a minha colunista, pois acho que não sou a pessoa mais indicada para ler esse livro. Que bom que você gostou, sei o quanto é fã da Jane. E aposto que a Laís vai adorar sua resenha.

    Beijos
    Academia Literária-DF

    ResponderExcluir
  7. Tenho que dizer que estou um pouco incomodada com o "nome" da autora... hehe... no mais, adorei tudo o que você escreveu, também sou fã de Jane Austen e fiquei curiosa para conferir essa adaptação. Adorei parte da história se passar em Búzios, gosto tanto da cidade, é meio mágica! Que bom que a autora informou que na segunda edição os erros já foram corrigidos, assim fico mais tranquila pra ler.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    Gostei muito da resenha, mas não entendi muito bem o nome o enredo da história. Achei a capa do livro perfeita e diferente das demais. Eu acho que daria chace a esse livro :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Victor. Primeiras Impressões, originalmente, era o nome de Orgulho e Preconceito, mas antes da publicação Jane Austen resolveu mudar. Acredito que é por isso que o título é esse. Beijos!

      Excluir
  9. Oi Jéssica, tudo bem? Eu nunca li e nem assisti nenhuma adaptação relacionada a Orgulho e Preconceito, então sempre fico voando quando leio algo sobre. Fico feliz que as primeiras impressões do livro tenha sido positivas, e acredito que a qualquer hora vou ler ou assistir algo sobre Jane Austen e Darcy, só por sempre ler elogios seus relacionados a obra.

    Bjs, Glaucia.
    www.maisquelivros.com

    ResponderExcluir
  10. Oi Jéssica, sua linda, tudo bem?
    Não sabia que você também era fã da Jane, ela é uma das minhas divas literárias. Eu nunca li nenhum livro inspirado nas obras dela. Mas eu já vi vários filmes, inclusive uma versão indiana de Orgulho e Preconceito com muita música, me surpreendi. Percebi que a autora manteve essência da Jane, o que me agradou muito e por isso tenho certeza de que irei adorar!!!! Sua resenha ficou ótima!!!
    Beijinhos.
    Cila.

    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cila, tudo bem flor? Sou muito fã da Jane Austen. Eu já li diversas adaptações e assistir alguns filmes, mas estou louca para assistir essa versão indiana. Beijos!

      Excluir
  11. oi ^^
    pow eu adoro cenas engraçadas *---* sei lá, livros que me fazem rir me conquistam mais.
    porém eu não curto coisas que se passam no brasil. sério n consigo gostar, mas acho que leria esse livro. pow odeio erros na revisão, isso me desanima muito.
    nunca li nada da jane austen, isso me lembra que tbm q preciso ler.
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  12. Oi Jess,
    confesso que nunca li nada de jane, único livro que li inspirado nos romances da autora foi Austenlândia, e confesso que gostei bastante da leitura.
    E gostaria muito, em breve, poder prestigiar a escrita de Jane, e este livro em questão, me chamou atenção pela inspiração que a autora teve, por falar de um romance já conhecido, transformando ele num romance moderno de Orgulho e Preconceito, e o que mais me desperta é saber que foi um autor(a) nacional quem escreveu. Espero poder em breve conferir.

    Beijos Ana Zuky

    ResponderExcluir

Obrigada pelo seu comentário. Volte Sempre!