18 dezembro 2015

Resenha: Madrugadas de Desejo - Jayne Fresina

Um jogo de mistério e sedução que não terminará a menos que os dois se entreguem. A Inglaterra do século XIX é elegante, charmosa e aventureira. Um lugar onde é difícil não se deixar levar pelos deliciosos (e perigosos) jogos que lords e ladies libertinamente experimentam. Não poderia ser diferente na bela Brighton, o lar de Ellie Vyne e James Hartley: inimigos declarados desde a infância.
Ellie sempre foi uma mulher de ideias a frente de seu tempo, temperamento forte, ousada e, principalmente, avessa a todas as tentativas de suas irmãs para lhe arrumarem um marido. Afinal, com 27 anos era um absurdo ainda perambular sozinha por aí. E é claro que James, um dos solteiros mais cobiçados da cidade, fazia questão de deixar clara sua desaprovação.
Durante suas misteriosas escapadas, Ellie rouba algo muito precioso de James, que não terá paz até descobrir a identidade do ladrão. Querendo ou não, eles estão cada vez mais próximos.
Como resistir ao charme de James e levar sua mentira adiante? Nesse jogo de perdição, Ellie arriscará tudo, inclusive seu coração. Enquanto James tenta desvendar o segredo da jovem, o desejo proibido que surge entre os dois será capaz de romper com todas as regras da alta sociedade inglesa. Skoob 

Autora: Jayne Fresina
Editora: Única
Páginas: 288
Nota: 4/5


Madrugadas de Desejo, de Jayne Fresina, foi publicado aqui no Brasil pela Única, selo da Editora Gente. Como eu estava precisando de uma narrativa tão engraçada e divertida nesse momento. E, para quem gosta de um bom romance de época, Madrugadas de Desejo é uma ótima dica.

Ellie Vyne é uma mulher de 27 anos, independente, corajosa, com uma personalidade forte e ideias a frente de seu tempo. Ela é avessa a qualquer ideia de se casar, já que teve experiências ruins demais para querer um marido. James Hartley é um libertino, solteiro, rico e um dos homens mais cobiçados pelas mães casamenteiras da cidade. As famílias Vyne e Hartley se odeiam por causa de um famoso escândalo no passado, desde então ambas possuem uma rixa de anos. Ellie Vyne e James Hartley fazem questão de levar essa tradição a sério, pois desde crianças são inimigos declarados. Desde pequenos que esses dois adoram provocar um ao outro e agora James faz questão de sempre desaprovar o comportamento de Ellie.   

“Os Hartley culpavam os Vyne por qualquer mal que lhes acometesse e os Vyne faziam o mesmo com os Hartley.”

Ellie, para ajudar a família financeiramente, se disfarça de Conde de Bonneville para poder jogar cartas e conseguir dinheiro para pagar as despesas dos casamentos das irmãs e as dívidas do padrasto, mas quando pega algo muito precioso de James vai ter em seu caminho o pior inimigo. Uma jornada que vai envolver intrigas, paixão, traições, apostas e cenas pra lá de quentes.

Ellie é uma personagem tão real, com defeitos e que faz tudo para proteger a sua família. Em uma época em que as mulheres eram subjugadas, Ellie desafiou a sociedade e foi uma personagem que me conquistou logo de cara, que ao longo da narrativa amadureceu muito. Ela sempre foi julgada por suas atitudes e isso é tão comum, né? Seja no passado ou no presente, as pessoas ainda julgam as pessoas sem nem ao menos conhecê-las.

Madrugadas de Desejo, além de um bom romance de época, traz de modo sutil reflexões sobre alguns assuntos, como a crítica a sociedade por julgar as pessoas, segundas chances, famílias desestruturadas. A autora conduz a história de forma leve, mesmo quando se trata de cenas mais densas, e eu li através do e-book cedido pela editora e finalizei a leitura em dois dias, o que pra mim é rápido porque quando leio pelo celular sempre demoro mais.

Os personagens, tanto secundários quanto principais, são de grande importância para a história e todos possuem uma ligação que vai sendo explicada ao longo da narrativa. James Hartley, além de engraçado, foi o personagem que mais amadureceu e acompanhar o desenvolvimento dele e de Ellie foi excepcional. Jayne Fresina é uma autora que merece uma chance para quem gostar de romances de épocas, onde a editora acertou em cheio na sua primeira publicação do gênero.

Eu só dei nota 4 para o livro porque esperava um pouco mais do final, pois achei que foi um tanto rápido e queria mais detalhes. A capa do livro é linda e como li em e-book não posso dar muitos detalhes sobre a letra e diagramação. Encontrei alguns erros de revisão bem bobos, mas espero que sejam corrigidos o quanto antes. Madrugadas de Desejo é um livro divertidíssimo e engraçado, com cenas bem quentes entre o casal e uma pitada de romance na medida certa. 

Quotes:
“O mundo era um lugar frio quando se está sempre do lado de fora, sem pertencer a lugar nenhum.”
“- Acho que as pessoas só gostam de ouvir sobre suas falhas, para que se sintam melhor sobre a vida delas mesmas.”
“O amor é algo muito estranho e desafiador, senhor.”
“Cedo ou tarde, o tempo nos tira tudo.”




13 comentários:

  1. Oieee.
    Nunca li nada dessa autora. Quando vi que a Única iria lançar esse livro até fiquei interessada. Mas perdi o interesse.

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  2. Eu já tentei ler esse estilo de romance, mas não consigo, realmente, não há nada que me seduza. Pena o final do livro ter faltado algo em sua concepção, às vezes, sinto isso em alguns autores que gosto, como Jorge Amado, sempre parece que falta algo na conclusão...

    ResponderExcluir
  3. O único romance de época que li foi o Duque e eu da Julia Quinn. Espero poder ler mais e talvez essa história seja um bom alvo haha gostei do que falou. :D

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    O cenário do livro me parece interessante, e o bom dele é que, diferente de alguns livros assim, este parece ter uma trama. Gosto de livros onde os personagens vão tendo uma ligação ao transcorrer da história, como você citou.
    É uma pena não ter gostado do final.
    Quero ler em breve!

    Beijinhoss...
    http://estantedalullys.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi, Jessica! Não pretendo ler o livro, mas estou pensando em comprá-lo para a minha mãe como presente de Natal! Gostei muito da sua resenha.

    ResponderExcluir
  6. Estou querendo ler uns livros assim pra relaxar (e me apaixonar hehe). Vou anotar a dica e dar uma olhada em valores. Não sou fã de e-books :|

    ResponderExcluir
  7. Oie
    Poxa, que bom que curtiu a leitura, ficou bem legal a resenha e espero que o pessoal que adore esses romances siga a dica ahha não é meu caso então vou deixar passar

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Eu adoro livros engraçados! E esse ainda é de época,fiquei mais interessado ainda! Adorei a resenha, muito bem feita e desenvolvida!

    Abraços e até!

    lendoferozmete.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. o fato de ser romande de época não me atrai, mas eu gosto das reflexões que ele passa, querendo ou não são de grande importância.

    ResponderExcluir
  10. Amo romances de época, mas nunca li nada da Jayne. Acho as capas dos livros da autora que a Única tem publicado lindíssimas. Mal posso esperar para conhecer a escrita da autora.

    ResponderExcluir
  11. Não pretendo ler o livro, mas quero dá de presente, pois ele faz o estilo da minha irmã.

    ResponderExcluir
  12. Esse livro foi um deliciosa surpresa, ele cumpriu totalmente o que eu esperava dele: ser uma história leve e divertida sem grandes complicações.
    Adorei sua resenha!^^

    ResponderExcluir
  13. Oii!

    Já li várias resenhas desse livro, mas vou confessar que não me interessei por ele. Não curti muito a história.
    Parabéns pela resenha, mas dessa vez vou deixar passar ;)

    Beijos, Amanda
    www.vicio-de-leitura.com

    ResponderExcluir

Obrigada pelo seu comentário. Volte Sempre!



ilustração por Lanillu | desenvolvido por Sete Coisas | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - COPYRIGHT © 2014