26 dezembro 2015

Resenha: Minha Vida Mora ao Lado - Huntley Fitzpatrick


“Minha mãe nunca ficou sabendo de uma coisa, algo que ela reprovaria radicalmente: eu observava os Garrett. O tempo todo.”
Os Garrett são tudo que os Reed não são. Barulhentos, caóticos e afetuosos. São de verdade. E, todos os dias, de seu cantinho no telhado, Samantha sonha ser uma deles, ser da família. Até que, numa noite de verão, Jase Garrett vai até lá e...
Quanto mais os adolescentes se aproximam, mais real esse amor genuíno vai se tornando. Contudo, precisam aprender a lidar com as estranhezas e maravilhas do primeiro amor. A família de Jase acolhe Samantha, apesar dela ter que esconder o namorado da própria mãe.
Até que algo terrível acontece, o mundo de Samantha desmorona e ela é repentinamente forçada a tomar uma decisão quase impossível, porém definitiva. A qual família recorrer? Ou, quem sabe, Sam já é madura o bastante para assumir suas próprias escolhas? Será que está pronta para abraçar a vida e encarar desafios?
Quem você estaria disposto a sacrificar pela coisa certa a se fazer? O que você estaria disposto a sacrificar pela verdade? Skoob

Autora: Huntley Fitzpatrick
Editora: Valentina
Páginas: 320
Nota: 5/5

Minha Vida Mora ao Lado, de Huntley Fitzpatrick, foi publicado aqui no Brasil pela Editora Valentina. É uma história sobre o primeiro amor, família, lealdade e escolhas que devemos tomar em nossas vidas.

Samantha Reed (Sam para os íntimos) é adolescente, filha da deputada da cidade, rica, uma aluna exemplar e considerada perfeita. Ela mora com sua mãe e irmã mais velha em uma casa esplêndida, porém a vida dessa menina não é tão simples quanto imaginamos, o que Samantha mais deseja é fazer parte da família Garrett. Desde que os Garrett tornaram-se seus vizinhos quando ela era pequena, Samantha os observa. Eles são barulhentos, afetuosos e uma família enorme, tudo que a família Reed não é.

Grace, mãe de Sam, é uma mulher perfeccionista e que não liga muito para a família. Nunca foi uma mãe carinhosa ou afetuosa, sempre deixou claro que não deseja demonstrar sentimentos, porém sempre deu o melhor para as filhas e deseja que as mesmas sejam perfeitas. Depois de tudo que ocorreu no livro, Grace não é uma personagem que eu goste. Além de ser fria e só se importar com política, ela mostrou-se uma pessoa que nem gostaria de ser amiga. Sempre falou mal dos Garrett e não suporta o comportamento deles, continuamente criticando a Sra. Garrett.

Os Garrett são uma família grande. Com oitos filhos a vida dessa família é agitada e barulhenta, mas cheia de amor. Com tantas coisas para fazer, eles não tem tempo para ficar cortando a grama toda semana, plantar flores no jardim ou mesmo arrumar todos os brinquedos espalhados pela casa, o que deixa Grace extremamente irritada e, desde sempre, proibiu suas filhas de falarem com essa família. Mas como o destino é algo maravilhoso Samantha vai fazer parte da vida deles. 

Jase Garrett é um garoto maravilhoso, trabalha com seu pai, ajuda a cuidar dos irmãos pequenos, cuida da casa, arruma tudo que estraga (desde utensílios a moto do irmão), estuda e é um bom moço. Jase passa longe de ser um bad boy e é um garoto que merece todas as oportunidades que o mundo pode oferecer. Ele é muito maduro para seus dezessete anos e é tão especial, que vai conquistar o coração de Samantha Reed.

Samantha, apesar de levar uma vida de princesa, não é mimada ou esnobe. Tem dois empregos e é uma pessoa boa, honesta, inteligente e nada de ser aquela adolescente chata. Ela amadureceu muito durante a trama e fiquei tão angustiada quando Samantha estava tão apavorada com os problemas ou em tomar decisões importantes.

Minha Vida Mora ao Lado é um Young Adult fofo, a autora aborda temas mais densos de forma mais leve. O ponto mais alto do livro é o grande segredo, porém o que me deixou exasperada não é nem o segredo em si, mas as consequências. Foi nessa parte que xinguei e gritei com alguns personagens, fiquei com pena de Samantha e entendi suas decisões. É exatamente isso que o livro é: decisões. Ao longo de nossa vida temos que tomar diversas decisões e com isso tem as consequências, boas ou ruins.

Um livro que mostra a descoberta do primeiro amor, algo tão puro e que foi sendo desenvolvido aos poucos e na medida certa. Cada cena tem sua importância para a história, como o amor da família Garrett, a amizade, as consequências de algumas decisões, as mentiras e até mesmo os personagens que mais odiei.

Sobre a Nan, melhor amiga de Sam, só posso odiá-la, porque tendo uma amiga como essa não precisa de inimiga. Agora eu tenho que destacar Tim Mason, irmão da Nan, que me conquistou e que desejo toda a felicidade. Ele começa de uma forma ruim no livro, mas que recebe uma segunda chance e vai amadurecendo de um jeito poderoso e lindo. E descobri, por causa da Ju do blog Literata, que vai ter o livro dele, The Boy Most Likely To, e só posso implorar para a Editora Valentina publicar ele aqui no Brasil

Huntley Fitzpatrick explorou a trama de uma forma tão espetacular que já quero reler esse livro. Os personagens, que são vários por causa da família Garrett, foram construídos com uma delicadeza e bem reais, onde cada um tem sua personalidade e peculiaridade. Você não vai ficar confusa com eles, pois a autora soube criar de um jeito que vai identificar todos e sem nenhuma dúvida sobre eles. Alguns eu amei profundamente outros eu odiei mortalmente, assim Minha Vida Mora ao Lado ficou guardado em meu coração e só posso recomendar para todos.

Quotes:
“Os Garrett eram proibidos desde o início. Mas não era por isso que eram importantes.”
“Você está andando por um caminho, impressionado com a perfeição dele, com o fato de você se sentir incrível e, algumas esquinas depois, se perde num lugar pior do que qualquer coisa que poderia ter imaginado.”

Redes Sociais: Site | Facebook | Twitter | Canal do Youtube



9 comentários:

  1. Olá :)
    Menina esse era um dos livros que mais queria ler nesse fim de ano, mas pelo visto não vai rolar, vai ficar pra 2016, mas adoro histórias que abordem o primeiro amor.

    Beijão,
    http://livrosentretenimento.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Desde que a Valentina publicou a capa eu estou doida pra ler esse livro. A sua resenha só me deixou com mais vontade, principalmente pelo garoto não ser o estilo badboy, mas comum e batalhador. Vou ler com certeza!
    Beijão, Mari Scotti

    ResponderExcluir
  3. Percebo que esse livro divide opiniões uns gostam outros nem tanto.
    Acho linda a capa do livro e por falar sobre o primeiro amor parece ser um livro até bem delicado.

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  4. Ola..
    Eu tenho muita vontade de ler esse livro, primeiro que a capa é maravilhosa e segundo pelas resenhas inspiradoras que ando lendo sobre, o livro parece conter uma historia carregada de sentimento, superação e drama familiar que vale muito a pena acompanhar..
    Ótima resenha..
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi!

    A trama parece ser muito boa e retrata a realidade de muitas famílias, de duas formas: as que se amam e superam os problemas e as que vivem de aparências para poder manter o "estatus". Gostei muito e parece ser um romance prazeroso para uma leitura ocasional, obrigada pela resenha.

    Bjs!!!

    ResponderExcluir
  6. Olá adoro livro assim que seja YA, mas que não sejam só focados em sexualidade, tenha drama, histórias e reviravoltas, eu acho que é mal de \Nan ser uma vaca, to ressabiada com Nan desde a irmã chata do Rush do livro da Abbi Glines...hahahahahah Acho que se alguém se aproximar de mim com esse apelido já vou imaginar um enredo de livro com intriga, traições e mentiras...kkkkkkkk
    Enfim amei a capa, a valentina vem vindo com livro excelentes e esse com certeza vou querer ler.
    Beijos.

    Giuliana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Giuliana. Nem fale sobre o nome Nan..rsrsrs. Também leio a série da Abbi e não gosto da Nan.
      Sobre Minha Vida Mora ao Lado leia. É um livro muito bom. Beijos.

      Excluir
  7. Oi Jessica!
    Eu ainda não conferi esse livro, mas estou super curiosa!! Menina, o que acontece com as personagens com o nome Nan, são todas bruxas? ahahah
    Gostei muito da sua resenha, me deixou ainda mais curiosa, e fiquei muito feliz em ter dado nota 5, me animou ainda mais!
    bjs!
    http://www.historias-semfim.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carla. Acho que sim..rsrsrs. Quando conheço alguma personagem com o nome Nan já fico intrigada.
      Minha Vida Mora ao Lado é um livro muito bom, leia. Beijos!

      Excluir

Obrigada pelo seu comentário. Volte Sempre!



ilustração por Lanillu | desenvolvido por Sete Coisas | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - COPYRIGHT © 2014