30 dezembro 2015

Resenha: A Primeira Chance - Abbi Glines

Harlow é uma jovem incomum. Filha de um astro do rock, a garota bonita e inocente prefere levar uma vida sossegada. Mas seus dias de tranquilidade terminam quando ele sai numa longa turnê e ela vai passar esse tempo com sua meia-irmã Nan.
O problema é que Nan a odeia. Acostumada a ser o centro das atenções, ela morre de inveja de Harlow, que, além de ser a queridinha do pai, atrai os olhares masculinos por onde passa.
Harlow não entende por que Nan a maltrata tanto, mas acha melhor se esconder atrás de seus livros e passar o maior tempo possível no quarto. Porém seus planos vão por água abaixo quando ela esbarra com Grant Carter de cueca na cozinha.
Grant está desesperado para conquistá-la, mas será que destruiu suas chances antes mesmo de conhecê-la? Só o que Harlow quer dele é distância. Afinal, que tipo de pessoa se envolveria com uma criatura amarga feito Nan? Skoob / Orelha de Livro

Autora: Abbi Glines
Editora: Arqueiro
Páginas: 224
Nota: 2,8/5

Saga Rosemary Beach:
Paixão Sem Limites #1
Tentação Sem Limites #2
Estranha Perfeição #3
Amor Sem Limites #4
Simples Perfeição #5
Rush Sem Limites #6


A Primeira Chance, de Abbi Glines, é o primeiro volume da duologia Chances e também faz parte da saga Rosemary Beach, que é a combinação de várias séries (no final do post vou colocar a ordem de publicação). É fundamental que você leia pela ordem cronológica, mesmo sendo compostas por séries diferentes.

Harlow Manning é filha de Kiro, vocalista da maior banda de rock do mundo, a Slacker Demon. Ela é uma garota tranquila, que ama ler, não quer fama e nada que se refere ao sucesso do pai. Kiro tem três filhos: Harlow, Mase e Nan (ela também é irmã de Rush por parte materna), mas sua favorita é Harlow. Cada filho é de uma mãe diferente, porém a mãe de Harlow foi o único amor de sua vida. Harlow vive cercada de álcool, drogas, sexo, porém nunca quis nada disso. É inocente e prefere ser assim, afinal ser filha de um astro de rock não é nada fácil e já viu coisas demais para uma garota tão nova.

Grant Carter é melhor amigo de Rush Finlay. Eles cresceram juntos e se consideram irmãos. Grant nunca pensou que seu melhor amigo poderia ser apaixonar de verdade, mas vê-lo tão feliz com uma família o deixa maravilhado. Porém sabe que nunca poderá ter um amor como esse, afinal tem um grande medo de perder a pessoa amada.

Nan é a garota mimada, foi criada pelo seu irmão Rush, gosta de ser o centro das atenções e, por isso, odeia Harlow e sente muito inveja. Harlow nem sabe o motivo de Nan a odiá-la tanto, pois nunca fez nada para magoá-la e quer manter distância da mesma, porém Kiro decide que ela vai passar nove meses em Rosemary com sua irmã enquanto ele sai em longa turnê da banda. Ou seja, coitada da jovem Harlow ficar no mesmo recinto que essa megera.

Grant e Harlow se encontram pela primeira vez em um casamento. Foi atração à primeira vista e ele ficou completamente encantado, mas ai descobriu quem ela era. Grant jamais poderia se envolver com Harlow, afinal Nan é sua ex. Agora, alguém me explica qual a loucura que deu no Grant de ficar algum dia com a Nan? Grant está completamente louco para ficar com Harlow, mas a jovem não quer ele. Ela não entende que tipo de pessoa se envolveria com Nan, porém ele vai fazer de tudo para conquistá-la. A relação deles vai se desenvolvendo conforme a leitura e ambos sabem que são loucos um pelo outro.

Grant foi apresentado logo no primeiro livro da saga Rosemary Beach e sempre fui apaixonada por ele. Gentil, amigo, protetor, fofo, engraçado e sensível. Sempre foi legal acompanhar ele nas histórias dessa saga e, por isso, fiquei animada quando descobri que teria sua própria história de amor. Mas, assim como Woods (Duologia Perfeição), fiquei decepcionada: Cadê aquele Grant tão sensato e gentil que ajudou Blaire em seu pior momento? Que ficou do lado de Rush quando ele estava desolado? E que foi legal com Della? Só encontrei neste livro um homem sem rumo, ciumento, possessivo, que só faz merda. Grant sempre foi meu favorito, mas ai ele se apaixonou e tornou-se um louco.

Já Harlow aceitou muito facilmente as coisas e, mesmo sendo jovem, deveria tomar mais atitudes, porém no final ela fez algo que gostei e agradeci por ter iniciativa. O mais engraçado de tudo que quem me fez ficar orgulhosa foi Rush, que aparece como secundário agora, e pude perceber o quanto ele amadureceu e está tão diferente. Ao contrário de muitas fãs da Saga Rosemary Rush nunca foi meu favorito, mas fiquei surpresa com o desenvolvimento positivo dele.

Essa saga possui elementos extremamente clichês e é enorme, mas você acaba se apegando aos personagens e quer saber a sua história também. Grant me decepcionou, mas espero que no próximo volume me conquiste novamente e realmente aprenda a valorizar mais as coisas.

O livro, como de costume da saga, possui várias cenas quentes entre o casal. A capa eu achei bem parecida com eles, a diagramação está no estilo da editora e não lembro de encontrar algum erro de revisão. Sofri um pouco para terminar a história, mas lutei bravamente para concluir. Vou continuar lendo a série porque gosto de vários personagens e vou dar mais uma chance para Grant, só porque sempre foi um personagem bom e espero que comece a raciocinar. O próximo volume é Mais uma Chance e pelo calendário da editora vai ser publicado em janeiro.

Saga Rosemary Beach:
1. Paixão Sem Limites (Blaire e Rush)
2. Tentação Sem Limites (Blaire e Rush)
3. Estranha Perfeição (Woods e Della)
4. Amor sem Limites (Blaire e Rush)
5. Simples Perfeição (Woods e Della)
6. Rush Sem Limites (Blaire e Rush)
7. A Primeira Chance (Grant)
8. Mais uma Chance (Grant)
9. You Were Mine (Bethy)
10. Kiro’s Emily (Kiro e Emily)
11. When I’m Gone (Mase)
12. When You’re Back (Mase)
13. The Best Goodbye (Capitão)
14. Up In Flames (Nan)





22 comentários:

  1. Gosto bastante de música. Estou querendo ler algo assim nesse estilinho de romance, talvez seja uma boa :3

    ResponderExcluir
  2. Ultimamente so estou vendo resenha de romance... Mas so to achando erótico... Por isso não gosto muito... A resenha é boa mas acho que não leria o livro!!
    http://infinitoparticulardoslivros.blogspot.com.br/2015/12/resenha-sombras-do-medo-camila-pelegrini.html

    ResponderExcluir
  3. Oie!
    Eu só li os três primeiros livros da série mas com certeza esse é o mais aguardado por mim, estou ansiosíssima para conferir o desenvolvimento da estória desse casal! E concordo com a protagonista, o que Grant tinha na cabeça para se envolver com a Nan? --' e como ela é protagonista do último livro da série, estou em dúvidas se darei uma chance à Nan.
    Beijos,
    Andy - StarBooks

    ResponderExcluir
  4. Oie.
    A resenha é ótima mas não leria o livro por não fazer o meu estilo.
    O que eu acho muito chato é essa coisa do pai gostar mais de um filho do que do outro. Isso não poderia existir gente!!
    Beijos
    relicariodepapel.wordpress.com

    ResponderExcluir
  5. Olá.Adorei sua resenha,apesar de não amar o gênero do livro.
    Não sei se leria essa saga,ainda mais por ter "elementos clichês" hehe.
    É normal em romances até entendo,mas não me chama a atenção.
    Seu blog tá lindo,parabéns!

    http://estantelivrainos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oiii, sua resenha está ótima, mas no momento não leria. Estou fugindo de romances eróticos hahaha
    Beijinhos
    http://segredosliterarios-oficial.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oii
    Nao quero ler nada da Abbi Glines na minha vida. hahaha
    Nao sou dos eróticos!!! Fora que são muitos livros. Nao sei se aguentaria!
    Bjus

    ResponderExcluir
  8. Olá, eu li a primeira série e desanimei quando vi que seriam uns 15 livros, acho que me prenderia muito, eu ouvi falarem mal desse volume também pelas atitudes de Grant e por a Nan estar cada vez mais insuportável, mas confesso que estou curiosa com o rumo que a Abbi vai dar para ela, espero que ela pare numa ala psiquiátrica ou vire uma freira kkkkkkkkkk
    Enfim, vou continuar acompanhando as resenhas da série para ver se continuo lendo.
    Beijos e feliz ano novo!

    Giuliana

    ResponderExcluir
  9. Olá, eu gosto muito de romances, mas não sinto muita vontade de ler essa série, acho que também ficaria decepcionada ao ver um personagem que parece de uma forma nos livros anteriores se mostrar tão diferente em seu próprio livro, mas só lendo para saber se gostaria ou não.

    ResponderExcluir
  10. Não é meu genero literário, e essa saga tão extensa me faz sair correndo. HAuhauahuaha. Mas isso é coisa minha, eu não curto esse tipo de história pq sou chata. Feliz ano novo. huahauh

    ResponderExcluir
  11. Eu já peguei duas séries com mais de 10 livros e isso me desanima muito... Acabei largando uma delas e só continuo com a outra pq a temática mistura erotismo e fantasia (Midnight Breed de Lara Adrian), sem deixar a coisa muito chata. Sendo só um romance com cenas hot, definitivamente não iria ler, pq não faz meu estilo. Gostei bastante da resenha, vc escreve bem!
    Até + ver! Nu.
    As 1001 Nuccias | Curtiu?

    ResponderExcluir
  12. Olá, essa série apesar de ter vários comentários positivos não consegue me deixar muito curiosa =/ É ruim quando um personagens secundário que tanto gostamos ganha enfim um livro só seu e acaba nos decepcionado, tomara que nos próximos ele volte a ser do jeito que você gostava.

    Visite "Meu Mundo, Meu Estilo"

    ResponderExcluir
  13. Oi, Jessica!
    Eu adoro essa série! Já li todos lançados até agora e confesso que tenho um carinho todo especial por esse livro. A história do Grant e da Harlow é linda demais! Ainda vem muita emoção no próximo livro. ;)

    Beijos,

    Rafa [ blog - Fascinada por Histórias]

    ResponderExcluir
  14. Oi Jéssica, sua linda, tudo bem
    Saudades de vir aqui. Um excelente 2016!!!!
    Que pena que logo o personagem que você mais gostou lhe decepcionou. Fiquei curiosa quando disse que isso aconteceu com o outro personagem também, é engraçado que quando são amigos se portam de um forma, mas quando são picados pelo amor, perdem a razão. Mesmo assim, não vejo hora de ler toda a série. Mas estou esperando publicarem todos, quero ler de um única vez. Sua resenha ficou ótima!!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Olaá´
    Sempre vejo resenhas dessa série mas nunca tive vontade de ler por não ser um gênero que me atraia, sua resenha ficou ótima e espero que o pessoal amante de romances curta haha

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi
    Realmente precisa ler tudo, realmente fica muito confuso entender a historia. Mais gostei do que fala, quero ler ja me falaram muit bem dessa autora.
    Beijos
    Biblioteca Desajeitada

    ResponderExcluir
  17. Oi, Jess! Tudo bom?
    Ahh, já conheço a Abbi Glines faz um tempo, desde 'Paixão Sem Limites', e foi um livro que sempre quis conhecer pois muitas pessoas comentavam a respeito e eram opiniões positivas, o que me fez gostar cada vez mais! Mas então, eu gostei dos breves comentários sobre, e a resenha está bem bacana, a única coisa que me chateou foi saber quantos livros essa saga tem para eu ler, viu? HUSAHUSHUSUHS.
    Carpe diem, http://www.entreutopias.com/

    ResponderExcluir
  18. Olá! Olha, a premissa em sim não me chamou muito atenção, não curto muito livros Hot, ou onde o Hot predomina. O que achei interessante foi o conflito entre as irmãs, isso me chamou atenção. Beijos

    http://livrosepergaminhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oi!
    Se tem uma autora da qual eu não tenho a menor vontade de ler nada é a Abbi, pois eu sei que não irei gostar de seus livros.
    Fico feliz que tenha gostado da história, mas assim, você não acha nem um pouco cansativo uma série com tantos livros assim?

    Beijos
    http://ummundochamadolivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gustavo. Cansativo sim, mas acabei gostando dos personagens e quando comecei a ler a saga não sabia que era tão grande, mas não gosto de desistir de séries e vou continuar. Beijos.

      Excluir
  20. Oie! Se você teve de ser guerreira para terminar, imagine eu kkkkkkk
    Já até imagino os seus surtos com alguns personagens, mas você sabe que esse tipo de livro não cola comigo xD
    Mas eu acho você continuar acompanhando por conta de ter gostado dos personagens. É legal quando nos identificamos com eles, ainda mais em uma saga grande.
    Beijos

    Academia Literária DF

    ResponderExcluir
  21. Ola. Ja li toda a série e sou apaixonada por ela. Harlow é a mais inocente digamos assim e o próximo livro é angustiante, fiquei com o coração n mão. Adorei sua resenha!!

    Beijão da Lari
    brilliantdiamond-bg.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Obrigada pelo seu comentário. Volte Sempre!



ilustração por Lanillu | desenvolvido por Sete Coisas | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - COPYRIGHT © 2014