03 abril 2016

Resenha: A Indomável Sofia - Georgette Heyer

Sofia Stanton-Lacy é alegre, impulsiva e de uma franqueza desconcertante, características que não combinam com o que se espera de uma mulher em sua posição na sociedade londrina do início do século XIX. Educada durante as viagens de seu pai, órfã de mãe, ela chega à casa de sua tia em Berkeley Square para derrubar as convenções e surpreender a todos com seus modos independentes e sua língua afiada. E Sophy parece ter chegado no momento certo: seus primos estão com muitos problemas. O tirânico Charles está noivo de uma jovem tão maçante quanto ele, já Cecilia está apaixonada por um poeta, e Hubert tem sérios problemas financeiros. A prima recém-chegada decide então ajudar a todos com sua determinação e impetuosidade, e acaba enfrentando agiotas, roubando os cavalos de seu primo e atirando de raspão em um honrado cavalheiro. Embora sejam sempre mirabolantes e arriscados, seus planos sempre dão certo e tudo parece estar sob seu controle. O que ela não espera, porém, é que seu primo Charles, que aparentemente não vê a hora de arrumar um marido para ela, de repente passa a enxergá-la com outros olhos.. Skoob / Goodreads

Autora: Georgette Heyer
Editora: Record
Páginas: 406
Nota: 5/5 FAVORITO

Eu sou apaixonada por romances de época e sempre gosto de conhecer novos autores desse gênero, então através da parceria com o Grupo Editorial Record descobri Georgette Heyer. Comparada a Jane Austen (minha autora favorita), a história criada por essa autora tão talentosa é permeada de romance, diversão e alegria. 

Tudo começa quando Sir Horace visita sua irmã, Lady Ombersley, informando que deseja que ela cuide de sua filha Sofia durante sua ausência, mas esta família não estava preparada para a inigualável Sofia Stanton-Lacy. Sofia, carinhosamente chamada de Sophy, é uma moça independente, corajosa, linda, rica e impulsiva. Esperava-se que uma jovem do século XIX fosse tímida, recatada e comedida, mas Sophy está longe disso. Educada pelo pai durante várias viagens, já que é órfã de mãe, essa dama se tornou independente e com uma língua bastante afiada.

Sofia vai mudar completamente a vida de todos. Lady Ombersley fica estarrecida com o comportamento da sobrinha, mas todos na casa ficam encantados pela moça, já que Sophy possui alegria e charme autênticos. Afinal, essa casa também precisa de um tempero de divertimento, pois o momento não é lá essas coisas. Seu primo Hubert está com dívidas de jogos, sua prima Cecilia está apaixonada por um poeta e comprometida com outro, e Charles, seu primo mais velho, está comprometido com a pior de todas as mulheres, a megera Sra. Wraxton. Então a presença dessa jovem será necessária para garantir grandes aventuras.

“Mas ninguém poderia esquecer Sophy, mesmo se não pudesse se lembrar da forma do seu rosto ou da cor dos seus olhos.”

Sophy vai aprontar muito neste livro, com seus planos mirabolantes e ações que vão chocar todos, principalmente Charles Rivenhall, que, aos 26 anos, é o chefe da família. Com seus traços severos e aquela aparência típica de esnobe não fica nada feliz com as atitudes da jovem Sophy, mas ao mesmo tempo percebemos o amor que ele sente por sua família e quanto se dedica pelos mesmos.

Os personagens são bem construídos e Georgette tem uma narrativa singular, viciante e refinada. O livro me chamou a atenção porque ele não é dedicado ao romance, mas a interação de Sophy com essa família. Não possui cenas picantes, mas temos um humor ousado e uma delicadeza ímpar nas cenas. Sophy é uma jovem com um senso de justiça altíssimo, gosta de observar as pessoas e preza por sua liberdade principalmente, mas ao mesmo tempo é delicada e sensível.

O que dizer da Sra. Wraxton? Mulher horrível e que senti tanta raiva. Não é só pelo fato de que eu queria o caminho livre para Sophy, mas pela atitude dela. Mesquinha, invejosa, prepotente e que só queria desestruturar a família de Charles, sempre falando mal dos irmãos deles. Ficava pensando o que tinha Charles tinha na cabeça ao propor casamento a essa mulher. Mas em compensação tivemos personagens maravilhosos e hilários, que fizeram da história perfeita e divertida.

Só posso agradecer por conhecer uma autora tão maravilhosa e também brigar comigo mesma por não ter lido antes, quem gosta de romance de época precisa ler algo da Georgette. Uma autora que criou uma heroína tão independente e a frente de seu tempo, com uma personalidade irreverente e encantadora merece ser reconhecida. Eu sabia que gostaria do livro, afinal eu amei a capa e a sinopse foi o motivo certeiro para eu solicitar A Indomável Sofia, mas não esperava que me encantasse logo nas primeiras páginas.

A capa, como disse anteriormente, é linda e chama atenção pelo comentário da autora Carina Rissi. A diagramação é básica com uma letra ótima para leitura e não encontrei nenhum erro de revisão. Só posso recomendar a leitura desse livro e espero que ela seja seu favorito assim como foi comigo. Leia, leia, leia algo da Georgette.

Quotes:
“Tenho muitos defeitos, mas não sou indolente nem medrosa, embora isso, sei muito bem, não seja uma virtude.”
''A surpresa é a alma do ataque!''





14 comentários:

  1. Oie...
    É impossível ler essa resenha sem desejar o livro, você passou tanta confiança pra mim que acho que já vou sair para comprar o livro :D
    Também curto bastante romance histórico e acho que esse é ideal pra mim.
    Bjão

    http://coisasdediane.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Jess,
    eu sou louca por romances de época, e sempre que tem um lançamento deste gênero tento o mais rápido possível ter e ler. Mas esta obra, menina, ela é muito interessante e diferente do que estou acostumada. A autora aborda mais o caráter da personagem e sua vida, e não romance. O que é novidade pra mim.
    Amei a premissa e vou adquirir meu exemplar, ainda mais depois desta resenha.

    Beijos Ana Zuky
    http://www.meuinfinito.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oiii, tudo bem?
    Nunca li nada dessa autora e nenhuma obra desse gênero, leria mesmo por curiosidade porque a história chamou a minha atenção completamente <3 gostei do que a autora aborda na obra, sua resenha ficou maravilhosa!
    Beijão

    ResponderExcluir
  4. Ooi. Ao contrário de você eu não curti tanto a capa desse livro, mas no geral ela não foge no padrão dos romances de época. Achei legal a característica de Sofia e por ela ter sido criada pelo pai. Acho que algo comum era que as meninas fossem criadas até por governantas, ou algo do gênero na ausência da mãe, né? Esse é um aspecto que me deixou um pouco curiosa para conhecer a personagem, mesmo que a premissa do livro em si não tenha me chamado a atenção.
    Beijos
    Sil - Estilhaçando Livros

    ResponderExcluir
  5. Oi Jéssica!
    Também sou apaixonada por romances de época e, apesar de ainda não ter lido esse, já conheço a Georgette e amo seus livros!
    Ouvi algumas pessoas comentando que esse não é o seu melhor livro,mas estou louca para ler. *-* Ainda mais pq seus livros sempre abordam histórias com um teor amais de drama, algo que eu AMO! E suas mocinhas são sempre bem construídas, cheias de determinação. E pelo que vi a mocinha desse livro é assim também.
    Espero gostar tanto quanto vc. Leia outros livros dela, acho que irá gostar. :)
    Beijos
    Coisas de Meninas

    ResponderExcluir
  6. Simmm já estou me rendendo. Peguei um livro de uma série parecida e vou ler. Vcs me convenceram já que romances de época não fazem minha praia, mas este parece excelente também!!! Dica anotadíssima.

    >> Vida Complicada <<

    ResponderExcluir
  7. Um romance de época sem cenas picantes, meu sonho! Obrigada por me apresentar a ele! Adoro livros que mostram essa relação entre a família, e acho que a Sophy vai me conquistar com essa personalidade dela. Com certeza vou querer ler, é uma oportunidade que não posso deixar passar!

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  8. Olá, Jéssica!
    Adorei conhecer um pouco mais sobre esse romance de época com a capa maravilhosa!
    Fiquei curiosa para saber mais sobre a charmosa e alegre Sophy, em fim, vou ler em breve com certeza, depois de ler sua resenha!
    Adoro livros com um toque de humor e adorei saber que a autora tem um foco diferente do romance, que é a interação de Sophy!
    Beijos!

    Karla Samira
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Eu adoro romance de época, principalmente quando a mocinha é tão independente assim. Gostei da trama, fiquei chateada de não ter solicitado. :(
    A capa está linda demais, eu com certeza irei ler o livro quando tiver oportunidade. Achei a trama bem diferente, e tenho certeza de que irei gostar!
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  10. Oiii, tudo bem????
    Eu confesso que não sou a maior fã de romances históricos ;P
    De todos os que já li, só curti dois. O Morro dos Ventos Uivantes e Senhora. Ambos são bem diferentes do que costumamos ler em livros do gênero.
    E esse também parece ser :)
    Adoro mocinhas assim, livres, leves, independentes. Vou dar uma chance a obra só por causa dela <3
    Beijooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi Jéssica, tudo bom?
    Achei interessante o livro não focar no romance, acho que é o primeiro de época que eu vejo focar em outra coisa. A capa é bonita mesmo, mas, fora essas duas coisas que se destacaram pra mim, o livro não me interessa muito, não me vejo gostando muito dessas loucuras da Sofia, mesmo com todos seeus elogios.
    beijs

    ResponderExcluir
  12. Ei, tudo bem?
    Por algum motivo que desconheço, acabei não pedindo esse livro de parceria (e me arrependo muito por isso). Adoro romances de época e esse parece ser sensacional e divertidíssimo. Pretendo comprar em breve e assim me encantar com a história.

    Beijos, Gabi
    Reino da Loucura

    ResponderExcluir
  13. Li o livro por influencia do post e posso te dizer que AMEI!! Maravilhoso. Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vera, tudo bem?
      Que legal! Fico feliz que tenha gostado. Beijos :)

      Excluir

Obrigada pelo seu comentário. Volte Sempre!



ilustração por Lanillu | desenvolvido por Sete Coisas | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - COPYRIGHT © 2014