26 setembro 2016

Mania em Série: Chicago Med


Título: Chicago Med
Criadores: Dick Wolf, Matt Olmstead, Andrew Dettmann
Estreia: 17 de novembro de 2015
Ano de Produção: 2015
Emissora: NBC / Universal Channel (Brasil)
Gênero: Drama, Médico
Elenco Principal: Nick Gehlfuss, Colin Donnell, Torrey DeVitto, Yaya DaCosta, Brian Tee, Oliver Platt, S. Epatha Merkerson
Nota: 5/5 FAVORITO



Sinopse: A série acompanha o dia a dia caótico do hospital mais agitado de Chicago, mostrando a coragem do time de médicos, que seguram a barra e conseguem salvar casos complicados, inspirados na vida real. *sinopse retirada do site Omelete

Chicago Med pertence ao mesmo universo das séries Chicago Fire - que acompanha a vida dos bombeiros e paramédicos do 51° Batalhão - e Chicago P.D. - focada no departamento de Polícia de Chicago. A série acompanha o dia a dia de um grupo de médicos e enfermeiros no hospital Chicago Med. 


Laurie Holden (Andrea em The Walking Dead) chegou a participar da série como a Dra. Hannah Tremble e foi apresentada no episódio dezenove da terceira temporada de Chicago Fire, esse foi um episódio para o público conhecer os personagens antes da estreia da série. Laurie, posteriormente, acabou abandonando a série e em seu lugar foram colocados três personagens. A Dra. Natalie Manning, interpretada pela Torrey DeVitto, uma médica grávida e especialista em emergência pediátrica; a estudante do quarto ano da faculdade de medicina Sarah Reese, minha preferida e muito amorzinho; e a Maggie Lockwood, enfermeira-chefe do hospital. 

Apesar de gostar da atuação de Laurie, eu agradeço por ela ter saído e entrado essas três personagens tão incríveis e que são essenciais para essa série, principalmente a Reese, que foi a personagem que mais amadureceu em Chicago Med aos poucos foi roubando meu coração e é um das minhas personagens preferidas. 


Cada personagem tem um destaque e como não se apaixonar pelo Dr. Daniel Charles? Chefe da Psiquiatria do hospital e é muito inteligente, além de mostrar alguns casos importantes sobre sua área e fazer a gente entender muita coisa, sobre depressão, suicídio, psicopatia. Ainda temos o Dr. Ethan Choi, que serviu nas forças navais como doutor, e que tem uma personalidade mais fechada e sofre com os resultados da guerra, mas ao mesmo tempo faz a gente a chorar com cenas tão emocionantes e sensíveis.

Dr. Will Halstead, irmão do detetive Jay Halstead de Chicago P.D, é o personagem mais controverso da trama. Em alguns momentos a gente o ama e a sua dedicação aos pacientes é latente, mas em outros queremos matá-lo com sua personalidade forte e, às vezes, arrogante. O Dr. Connor Rhodes, conhecido por interpretar Tommy Merlyn em "Arrow", é o tipo de médico brilhante e certinho, que a gente fica suspirando e torcendo muito por ele.


Eu adoro séries de hospitais, mais tinha ficado traumatizada com Grey's Anatomy por motivos de Shonda Rhimes (Hoje estou desatualizada com a série), por isso tinha receio de começar Chicago Med e sofrer desesperadamente. Isso não aconteceu, por enquanto. Não muito, quero dizer...rsrsrs. 

Eu gostei muito da série e assisti a primeira temporada, que contém 18 episódios, em um dia e agora vou assistir a segunda temporada, que estreou dia 22 de setembro nos EUA. De acordo com o site Omelete, a segunda temporada vai ser exibida dia 17 de outubro na Universal Channel, emissora responsável pela série aqui no Brasil.

O mais legal é que em alguns episódios os personagens de Chicago Fire e Chicago P.D acabam aparecendo e é bom rever alguns que eu gosto. Se você gosta de séries com essa temática, personagens marcantes, relação médico e paciente e uma trama com caos e amor essa série é recomendada para você.

Trailer:



14 comentários:

  1. OI Jessica!!
    Eu não conhecia Chicago MEd, mas assisti alguns eps de Chicago Fire *---*
    Preciso colocar minhas séries em dia para começar a ver series legais como Chicago Med, mas tô tão atolada
    Eu larguei Greys Anatomy logo no começo, a série não me prendei, então não sei porque você está traumatizada com a Shonda huahahua
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lu! Chicago Fire eu acompanho episódios periódicos, porque nunca consigo acompanhar tudo...rsrs. Mas Chicago Med me prendeu desde o início e acabei viciando.
      Shonda é má e acaba com seu coração hahahahaha.

      Excluir
  2. Menina, quem não gosta de séries de hospitais??? Eu ainda não conhecia e já fiquei super interessada. Não sou muito de assistir séries, a única que assisto fielmente é TWD, mas já fiquei louca para assistir essa. Só me resta é conseguir tempo para ver.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, né? Outra que é um amorzinho é House, onde toda vez que passa na tv paga eu estou assistindo. Bia, eu amo TWD e é minha série preferida <3 Quando tiver um tempinho tenta assistir o primeiro episódio de Med. Beijos!

      Excluir
  3. Oi Jéssica.

    Tem um bom tempo que não séries de hospitais, principalmente Grey's Anatomy, mas quando assistia eu gostava bastante. Já a série Chicago MED, eu não recordo de ter assistido nenhum episódio. Lendo sua resenha eu achei legal e fiquei com interesse de acompanhar, por isso sua dica está anotada.

    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Kênia! Quando puder dar uma chance para Chicago Med, porque séries de hospitais são ótimas, né? Beijos :)

      Excluir
  4. OOi!
    Bommm, acredite, quase não acompanho séries! Mas tenho desculpas, kkkk, falta de tempo.
    Essa parece ser bem legal, quem sabe quando eu tiver um tempinho...

    beijoos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Catrine, tudo bem?
      Olha, eu sou uma pessoa extremamente viciada em séries...rsrs. Eu acompanho mais de 10 séries.
      Quando tiver um tempo dar mesmo uma chance ;)

      Excluir
  5. Olá Jéssica!
    Já tem bastante tempo que não acompanho séries e nem doramas que gosto muito também por falta de tempo. Eu já tinha ouvido falar a respeito de Chicago Med e depois de ler suas impressões, fiquei ainda mais curiosa. É bom conhecer um pouco de casos clínicos também.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thalita! Eu adoro doramas, mas ultimamente não tenho acompanhado muito não. Já séries eu sigo fielmente e espero que futuramente possa dar uma chance para Chicago Med. Beijos!

      Excluir
  6. eu comecei a ver a série por causa do asiático, tenho uma atração por ele desde Velozes e Furiosos kkkkkkk mas acabei deixando de lado por falta de tempo kkk mas adorei ver ele em outro papel, minha paixonite voltou kkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paac!
      Eu nem lembrava dele em Velozes e Furiosos..rsrs (mas eu não sou muito fã desses filmes..hahaha), mas ele em Med é ótimo. Um dos meus preferidos e com certeza uma paixonite.

      Excluir
  7. Eu assistia uma série médica muito amorzinho, mas que era mais focada no romance/drama dos personagens, não tanto nessas questões da medicina, mas foi cancelada. Depois disso me neguei a assistir qualquer outra, tenho medo de gostar e quebrar a cara de novo... ¬¬ rsrs
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Jéssica, sua linda, tudo bem?
    Eu sou fã da série Chicago Fire!!! Nossa, fiquei com saudades agora, não tive tempo de ver muitas temporadas. Sim, acho perfeito essa interação entre os bombeiros, o hospital e os policias, eles tiveram uma ótima ideia, porque são forças que atuam juntas. Não cheguei a ver nenhum episódio de Chicago Med, mas estou empolgada depois da sua crítica que ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada pelo seu comentário. Volte Sempre!



ilustração por Lanillu | desenvolvido por Sete Coisas | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - COPYRIGHT © 2014