02 dezembro 2016

Resenha: Dez formas de fazer um coração se derreter - Sarah MacLean

Isabel Townsend não é exatamente o que se espera da filha de um conde. Apesar de ter a pele delicada e de saber se portar como uma dama quando necessário, a jovem também monta a cavalo, conserta telhados, administra a propriedade e cria o irmão caçula desde que a mãe faleceu – tudo isso sem despertar a menor suspeita de que não há um homem sequer para cuidar de sua família.
Para o pai dela, que só queria se divertir e gastar dinheiro em jogatinas, pouco importava o que ela fizesse. Porém, quando ele morre, Isabel se vê sem recursos e precisa defender os direitos do irmão, ameaçados pela chegada iminente de um tutor. Assim, não lhe resta saída senão vender sua coleção de estátuas de mármore, o único bem que herdou.
Para sorte sua, um especialista em antiguidades acaba de chegar ao condado. Inteligente e sensual, lorde Nicholas St. John é um solteiro convicto que deixou Londres para se livrar das jovens que passaram a persegui-lo desde que foi eleito um dos melhores partidos da cidade.Em poucos dias, fica claro para Nick que Isabel é a mulher mais obstinada e misteriosa – além da mais interessante – que já cruzou seu caminho. Ao mesmo tempo, ao conhecê-lo melhor, a independente Isabel percebe que há homens em que vale a pena confiar. Enquanto eles põem de lado suas antigas convicções, seus corações se abrem para dar uma chance ao amor. Skoob | Comprar: Amazon | Submarino | Saraiva | Americanas

Autora: Sarah MacLean
Editora: Arqueiro
Páginas: 352
Nota: 5/5

Nove Regras a Ignorar antes de se apaixonar #1

Dez formas de fazer um coração se derreter, de Sarah MacLean, é o segundo volume da trilogia Os Números do Amor. Publicado aqui no Brasil pela Editora Arqueiro, este livro vai contar a história de Isabel Townsend e Nicholas St. John.

Sarah MacLean a cada história vem me conquistando muito, com uma narrativa divertida, leve e engraçada. No livro anterior conhecemos a irresistível história de Calpúrnia Hartwell e Gabriel St. John, o marquês de Ralston, então agora chegou a hora de saber mais a respeito do irmão gêmeo do marquês, o lorde encantador Nicholas.

Isabel é filha mais velha de um conde e apesar de saber se comportar como uma dama sua rotina se resume a administrar a propriedade da família, pois sua mãe morreu quando jovem, seu irmão caçula só tem 10 anos e o pai só sabe gastar dinheiro e apostar as coisas de casa em jogos. No momento, com a recente morte de seu pai e a vinda de um novo tutor, Isabel precisa vender sua coleção de mármores para conseguir pagar as contas da casa, já que nem ela e seu irmão herdaram nada do pai, apenas dívidas da propriedade para pagar.

Imaginem quem acabou de chegar a cidade de Isabel e é um dos melhores especialista em antiguidades de Londres? Sim, sim. Lorde Nicholas St. John! Depois da publicação de Pérolas e Peliças, uma revista feminina, ele é eleito um dos melhores partidos de Londres e passa a ser perseguido pelas inocentes damas da cidade. Então, após uma proposta de um colega, ele acaba aparecendo na vida de Isabel.


Dez formas de fazer um coração se derreter tem uma protagonista obstinada, lutadora e guerreira. Isabel te conquista logo de cara e você quer abraçá-la e protegê-la de todo mal. Como não amar uma protagonista tão independente e obstinada a cuidar da sua propriedade e as pessoas que ama? Ela é teimosa quando necessário, mas assim como qualquer jovem também tem suas inseguranças e medos do que está por vir, principalmente por tudo que está envolvido. Queria poder explicar melhor tudo que envolve Isabel, mas mesmo não sendo spoilers é muito bom quando a gente se surpreende. 

Nicholas St. John é um personagem justo e que já havia me conquistado lá em Nove Regras a Ignorar antes de se apaixonar, mas claro teve um aprofundamento do personagem e só fiquei mais apaixonada e encantada por esse personagem. Os outros personagens também são bem construídos e cada um com participação importante para a história.

A história é bem desenvolvida e com um senso de humor que só Sarah MacLean é capaz de trazer, mas ao mesmo tempo discute relacionamentos abusivos, abandono, rejeição familiar e como a mulher era tratada naquela época. O primeiro volume da trilogia ainda é meu preferido, mas a história de Nicholas e Isabel é interessante e me conquistou por ser uma história sobre segundas chances e autoconhecimento.

A capa do livro é linda, a diagramação é básica com uma letra agradável para leitura e não encontrei erros de revisão. Onze leis a cumprir na hora de seduzir é o terceiro e último volume da trilogia e contará a história de Juliana Fiori, meia-irmã dos irmãos St. John.

Quote:
“- Eu não pedi para ser salva, lorde Nicholas – retrucou ela, o tom de voz subindo.
- É, bem, considerando que eu salvei a sua vida duas vezes nesses dois dias desde que a conheci, devo sugerir que peça da próxima vez.”





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário. Volte Sempre!



ilustração por Lanillu | desenvolvido por Sete Coisas | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - COPYRIGHT © 2014