Resenha Nacional: A Improvável Annelise - Tatyana Azevedo



Era uma vez pessoas de um planeta distante, poderes especiais, um sequestro, um Guardião e uma pedra. Essa realidade fantástica invade a vida de Annelise Toder no dia em que seus pais desaparecem. Longe de casa e cercada de desconhecidos, ela descobre ser descendente do povo de Antera e deve aprender a confiar em seus instintos para salvar a família. Uma aventura cheia de sentimentos e surpresas.


Autora: Tatyana Azevedo
Editora: Astral Cultural
Páginas: 272
Nota: 3,5/5

Oi pessoal! Já estava com saudade de escrever resenhas por aqui e hoje vamos falar sobre um livro nacional de fantasia escrito por uma autora super querida que mora aqui em Brasília, a Taty Azevedo. Muita gente gosta de ler fantasia, mas na maioria das vezes consome só o que vem de fora. Esse livro serve para mostrar que o gênero vive aqui no Brasil e que tem muita gente boa escrevendo por aqui.

A história começa quando os pais de Annelise Toder são dados como mortos no Brasil enquanto ela estava em uma viagem pela Áustria com o objetivo de aprender um novo idioma e conhecer as origens de sua família. Ao saber do acidente de carro, ela resolve voltar imediatamente ao Brasil, mas é impedida por Hans, que depois de mantê-la em segurança conta a ela uma verdade inesperada: Annelise e seus pais não são terráqueos, eles vem de um planeta antigo chamado Antera, que foi destruído há muito tempo.

Além disso ela descobre que há vários anteranos vivendo entre os humanos e que nem todos são bons, por isso seus pais escolheram viver a margem da sociedade anterana e se esconder nos cânions catarinenses, onde fica o hotel da família. A partir daqui Annelise começa a descobrir diversas coisas sobre o mundo paralelo que ela não fazia ideia que existia e também precisa entender exatamente o que houve com seus pais, se foi apenas um acidente ou algo mais sério.

Ela vai contar com o apoio de Hans e sua família, mas vai se sentir incomodada com seu filho Oliver, que foi designado para ser seu guardião. Ela também vai contar com o apoio dos primos Jake e Emma e a amizade deles é bem divertida. Anne deverá se concentrar para aprender tudo e encontrar a irmã gêmea, Elissa, que também teve que se esconder, após o acidente dos pais.

Juntos eles vão passar por uma jornada de perigos e descobrimento que é bem leve de acompanhar, tem momentos de tensão, o suspense sobre a morte de seus pais e a dúvida se quem os feriu ainda está atrás das irmãs. A história é contada em primeira pessoa, na maior parte do tempo estamos na cabeça de Anne, mas vamos ter alguns vislumbres da cabeça de Oliver também, o que dá uma perspectiva interessante a trama.

Eu gostei muito da leitura e acho que ela vai agradar os leitores que estão iniciando a leitura de fantasias por ser uma história envolvente, com personagens bem trabalhados e com zelo na escrita. Aos que preferem um bom romance, mas querem diversificar, dá para se realizar lendo esse livro, porque a dose de amor não é o foco principal, mas também é parte importante do texto.

Leiam autores nacionais, eles estão se reinventando a cada dia! E se você quiser se sentir mais próximo da Taty, ela retomou o blog dela que está de cara nova e com cartas super fofas aos livros que ela leu. Espero que você embarque e curta muito essa viagem rumo a Antera.


0 comentários:

Deixe seu comentário

Obrigada pelo seu comentário. Volte Sempre!